sexta-feira, março 02, 2007

Vá se benzer Leão

Fiquei impressionado com a bola fora que o Leão deu com uma repórter esportiva. A jornalista foi fazer uma pergunta e o cara perdeu a paciência na frente das câmeras. Resultado, ela ficou lá enchendo o saco dele durante um tempão. Putz, que erro do Sr. Émerson. Não dá para brincar com quem trabalha com quem vive de escândalo.

Olhem, no You Tube tem tudo isso. Eu não vou colocar aqui porque o único vídeo que achei tem um monte de colegas dela da Record esculachar. Quando o povo do Depto. Esportivo da rede dos bispos fazem uma graça, tudo bem. Eles podem montar quantas peças quiserem em que interpretam uma discussão séria sobre futebol. Mas, no momento que tentam pagar de moralistas, fica complicado dar sombra pra essa gente.

Leão, eu não concordei com muita coisa que você fez quando dirigiu o São Paulo. Nem acho que você seja um santo. Muito menos que seja adequado a forma que você utilizou com a repórter.

Mas fica aqui a minha sugestão: procure um Pai de Santo pra se benzer. Tire essas mandingas da sua vida. Tanta zica assim é assunto pra especialista. Abra sua cabeça para outros saberes não tradicionais entre os homens brancos.

Pior, não tem como ficar. Quer dizer, pensando melhor, tem sim: se perder o clássico vai ser dura sua vida.