sábado, setembro 22, 2007

Capa profética da Placar de 1971

Nem era nascido e uma velha ladainha já rolava no universo futebolístico brasileiro:


(clique na imagem para ver a original)

Não há como não documentar a chamada de capa da Revista Placar de Fevereiro de 1971:

Futebol


Corrupção


Mais provas dos escândalos do Cortinthians



Só é possível dizer à Gaviões e a todo o resto dos corinthianos:

A inês é morta!



Apesar de ser bem interessante, veio muito tarde, a campanha:

Muita gente terá de levar a mão à consciência com a comida de bola que deram ao não questionar a parceria lá no começo. Pois, se o Citadini e o Tuma Jr. denunciaram lá atrás toda esta bomba que explode agora, não há como se colocar como um inocente enganado. Não acho que que aquele Brasileirão tenha valido toda esta dor de cabeça.

Respeitos,

4 comentários:

carlos pizzatto disse...

Todos sabiam que era lavagem de dinheiro. Desde o começo. Todos.

Silvio Lourenço disse...

Que bom que se descobriu, investigou-se e caiu o Sr. Dualibi.

Se o Timão estivesse por cima da carne seca, ninguém iria descobrir nada, ou ao menos se fingiria que não havia nada. Esse negócio de que todos sabiam não é bem assim. Pode-se dizer o mesmo de muitos clubes e dirigentes, que ganham e perdem muito dinheiro com negociatas.
Corinthians é notícia e é a ponta do iceberg. Só nesse ano, saíram mais de 1000 jogadores do Brasil, alguns muito bons, dezenas de algum valor e centenas mais do que comuns, para equipes estrangeiras, a maioria desconhecida e muito jovem ainda.
Globo, empresários, CBF, cartolas e, agora, jogadores mercenários também. Haja corrupção para saciar tanta cupidez a maucaratismo.

Silvio Lourenço disse...

Que bom que se descobriu, investigou-se e caiu o Sr. Dualibi.

Se o Timão estivesse por cima da carne seca, ninguém iria descobrir nada, ou ao menos se fingiria que não havia nada. Esse negócio de que todos sabiam não é bem assim. Pode-se dizer o mesmo de muitos clubes e dirigentes, que ganham e perdem muito dinheiro com negociatas.
Corinthians é notícia e é a ponta do iceberg. Só nesse ano, saíram mais de 1000 jogadores do Brasil, alguns muito bons, dezenas de algum valor e centenas mais do que comuns, para equipes estrangeiras, a maioria desconhecida e muito jovem ainda.
Globo, empresários, CBF, cartolas e, agora, jogadores mercenários também. Haja corrupção para saciar tanta cupidez a maucaratismo.

freefun0616 disse...

酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店經紀,
酒店打工經紀,
制服酒店工作,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
酒店經紀,

,酒店,