segunda-feira, outubro 26, 2009

Será que a água bateu na bunda dos caras?

Ontem estive na baixada, não tive a honra de assistir à épica peleja na Vila, mas comi uma picanha campeã.

Talvez, como alguns, sem base, sustentam, meu pisante pouco calórico não ter ido ao Estádio do Peixe tenha ajudado o Tricolor paulistano.

No entanto, o que merece destaque é que, finalmente, o Brasileirão 2009 tá empolgante, tá no grau adequado!

Que me desculpe o Joel; mas o mais perde do que ganha dos líderes tava parecendo o time da África do Sul dele.

Apesar de admirar e desejar um renascimento do Rio, acho que o Galo tá bem na frente do Mengo nessa cruzada contra o monopólio natural do futebol paulista que parece se formar.

Não sou um paulista antipaulista; só acho que campeonatos que só têm 3 ou 4 favoritos pré-definidos estão abaixo dos Brasileirões. O modelo são os campeonatos estadunidenses no aspecto da grande competitividade que há por lá.

Abraços,