terça-feira, março 20, 2007

Projeto uruguaio do Tri na África do Sul


A Austrália não joga mais nos torneios promovidos pela Confederação de Futebol da Oceania. Disputa os da Ásia. Quer torneios mais disputados para que seu jogo cresça.

Assim, a Asociación Uruguaya de Fútbol tem uma chancha de ouro. Afinal, o grande problemas deles para chegar à etapa final da Copa passada era vencer a Austrália e falharam. O caminho para o Tri está aberto. Quem impedirá Lugano de comemorar este título e virar herói nacional?

Afinal, na última Copa, o futebol retranqueiro da Itália conquistou o título. A maré tá mais pros uruguaios do que para nós. O Brasil ainda não produziu craques a altura da seleção do Felipão. Tá todo mundo na promessa. O Kaká, o Diego e o Robinho ainda não mostraram-se dignos de um título mundial. Todos têm futebol, mas é necessário futebol, sorte e garra para hexa ser brasileiro. Acho que é um pouco da virtú que Nicolau Maquiavél nos ensinou.

Abraços,