terça-feira, agosto 28, 2007

Falta de rivais favorece Raposa

Se há um tipo de jogo que a lógica não contempla, é o clássico.
O imponderável, como se sabe, ronda o futebol e provoca resultados surpreendentes. Porém, o clássico é seu ambiente preferido. Não importa a posição na tabela, crise, época do ano; num jogo entre rivais locais, qualquer resultado é possível.
E esta parece ser a vantagem do Cruzeiro: por falta de vizinhos fortes, arriscará apenas três pontos.
Para se ter idéia do que isso representa, basta ver o levantamento publicado no LANCE! hoje: desde 1980, o São Paulo não passa um ano sem perder ao menos um clássico.
Além dos jogos entre os clubes que buscam a ponta do torneio, deve ser lembrado que jogos contra São Paulo, Palmeiras e Santos são uma ótima oportunidade para o Corinthians amainar a crise, e que, ultimamente, Vasco e Botafogo têm ressuscitado o agonizante Flamengo.