quinta-feira, fevereiro 05, 2009

COPA de 2014, o Brasil é o Brasil

Ontem a noite assistia ao Jornal da Globo e me interessou a seguinte notícia:
 

Comitiva da Fifa inspeciona Cuiabá e Rio Branco

As duas cidades são candidatas a receber jogos da Copa de 2014.

 
Em helicópteros do exército e da polícia federal, os cartolas da FIFA visitaram essas duas cidades. Como se sabe, em nenhum lugar do Brasil há lugar pra ser uma boa sede de grupo de uma Copa. Mesmo São Paulo e Rio de Janeiro têm problemas crônicos de transporte, violência... Pode ser que Brasília seja a menos pior, mas, mesmo assim, não seria uma super, híper, ultra sede.
 
O Brasil é um país em que as classes dirigentes escolhem o que e como somos e seremos. Quem discordar deste ponto de vista que me explique a razão da américa espanhola ter se fragmentado e a lusitana não.
 
Mas, de volta à escolha das cidades sedes da Copa brasileira, os cartolas vão escolher de acordo com a quantidade de investimento público que os Estados e Capitais quiserem fazer.
 
Não sei se vale a pena investir em um grande ou moderno estádio ao invés de um bom hospital.
 
Bem, de qualquer forma, se a escolha das cidades sedes levar em conta história do futebol, não há como escolher Cuiabá ou Rio Branco antes de Santos.
 
A cidade do Rei do Futebol tem mais relevância.
 
Abraços,