sábado, janeiro 14, 2012

Trézéguet

Os jornais anunciam que David Trézéguet vai jogar no rebaixado River Plate.
Lá, como aqui, recorre-se constantemente a veteranos.
Às vezes, dá certo; outras, nem tanto.
Mas a vinda de Trézéguet destoa, por exemplo, dos retornos de Juninho Pernambucano e Luís Fabiano.
Estes, após boa jornada na Europa, jogam agora nos clubes que os projetaram.
O francês não retorna ao clube, mas ao país de seu início.
Como é sabido, Trézéguet passou a infância e a juventude na Argentina, onde começou sua carreira no Platense. De lá, partiu para o Monaco e depois passou longos dez anos na Juventus.
Depois de rápidas passagens pela Espanha (Hércules) e Emirados Árabes (Bani Yas), desembarca agora em Buenos Aires para ajudar o clube - para o qual torcia - a retornar à elite argentina.
Trézéguet é o típico caso do artilheiro que é apenas jogador mediano. Valeu-se da companhia especial de Zidane e Del Piero. Fica, contudo, distante dos grandes atacantes de sua geração.
Mas jogar no Millonario é, sem dúvida, um final interessante para uma carreira marcada pela participação em ótimas equipes (Juventus e Seleção da França), uma penalidade perdida numa final de Copa e o relacionamento estranho com o treinador da seleção.
Tomara que sua passagem no River seja melhor do que suas últimas temporadas!

Um comentário:

Sidarta disse...

Nunca se sabe, vai que o cara só está fazendo uma descompressão pra chegar em um último degrau de sua carreira no Platense inicial e fechar o seu ciclo?